Magia do Natal

Havia uma escola muito especial conhecida como a Escola a Tempo Inteiro. Tinha crianças de todo o mundo, reunidas para aprender e partilhar esplêndidas ideias.

Aproximava-se o Natal, começava-se a sentir o espírito natalício naqueles corações bondosos, os professores convocaram todos os alunos para uma reunião especial.

ꟷ Olá, crianças! A nossa escola precisa de ideias boas e generosas. Queremos espalhar a Magia do Natal e fazer deste momento uma experiência verdadeiramente única. Querem ajudar e conversar sobre isso?

Responderam todos com entusiasmo:

ꟷ Sim, vamos lá!

ꟷ Como todos sabem, o mundo está a passar por momentos difíceis, com guerras e conflitos por todo o lado. Agora mais do que nunca, é hora de unirmos esforços e procurar coletivamente soluções que possam restaurar a paz global e espalhar a verdadeira Magia do Natal.

Após muitas conversas e ideias discutidas, uma menina chamada Mónica teve uma ideia brilhante.

ꟷ E que tal programarmos uns drones, destinados a espalhar bondade e a Magia do Natal?

Os professores olharam surpreendidos, mas depois começaram a considerar válida a ideia. Prontamente, a sala ficou cheia de sorrisos e entusiasmo, à medida que as crianças imaginavam o que esses drones bondosos poderiam fazer.

Dos alunos da Escola a Tempo Inteiro surgiram ideias incríveis. Eles imaginaram os drones lançando peluches fofos, bombons deliciosos e brinquedos diversos caídos do céu.

Os professores ficaram impressionados com a criatividade das crianças e concordaram que essa ideia poderia ser a chave para a paz. Então, com a ajuda do professor de TIC da Escola a Tempo Inteiro, os drones bondosos foram construídos e programados.

No dia seguinte, os drones alçaram voo pelos céus, espalhando alegria e bondade por onde passavam. Nos cenários de guerra, os soldados a princípio ficaram assustados com a estranha invasão, mas rapidamente perceberam que algo incrível e mágico estava a acontecer.

Os soldados largaram as armas e começaram a recolher os peluches, bombons e brinquedos que os drones lançavam do céu.

As trocas de lutas deram lugar a abraços e sorrisos. As tropas entregavam os presentes às crianças, independentemente da sua nacionalidade ou origem, as crianças também partilhavam os brinquedos e doces entre si. A Magia do Natal começou a espalhar-se, a hostilidade que antes dividia as pessoas desapareceu.

Quando os soldados concluíram a entrega dos presentes, mais uma generosidade aconteceu!… Foram premiados com a mesma sorte do Pai Natal. Delicadamente, alguns drones lançaram leite e biscoitos de paraquedas, como se fosse um abraço acolhedor para alegrar e confortar seus corações com bondade e doçura.

Naquele ano a paz floresceu impulsionada pelas ideias brilhantes das crianças, com destaque para a notável contribuição menina da Mónica. O auxílio da tecnologia foi fundamental, pois foi utilizada para espalhar a alegria da Magia do Natal ao invés da destruição.

A lição central é que a tecnologia, quando usada para o bem, tem o poder de criar mudanças positivas e unir comunidades, tornando o mundo um lugar melhor.


Partilho convosco um segredo fascinante: a Magia do Natal é real e existe mesmo! Clica aqui para descobrir onde se localiza e pede a um adulto para te acompanhar.

A menina Mónica também é real; ela atua como Técnica de Informação Aeronáutica em Bruxelas. Partilhou comigo histórias incríveis sobre boas ações que salvaram vidas em cenários de guerras. Num futuro próximo, convidamo-la a visitar as nossas aulas para partilhar connosco as suas épicas experiências.

Que o mundo abrace a luz da paz e forje um destino de harmonia.

Com todo o amor e com esta canção, a Escola a Tempo Inteiro deseja Feliz Natal a todos!

(Fonte disponível clicando aqui)

Podes Falar Com

Descubra, inspire-se na sua jornada pessoal, profissional com o Podes Falar Com – o seu guia para o entretenimento, leitura ou escrita.

Índice

Partilhar

Artigos recentes

Categorias

Follow Us

Weekly Tutorial

Inscreva-se na nossa Newsletter. Fique por dentro das novidades.

UPS! JÁ CLICOU “AQUI”?

Ainda não temos o próximo capítulo